John Locke e a formação moral da criança

De Christian Lindeberg Lopes do Nascimento



Ano: 2020

Nº de Páginas: 223

R$40,00

Este livro é fruto da pesquisa que realizei durante meu doutorado [na Unicamp]. O eixo que norteou a investigação foi a discussão em torno da formação moral da criança, a partir dos escritos educacionais de John Locke. O ponto de partida foi a relação aparentemente controversa entre a Ciência e a Religião que perpassa o conjunto da obra do filósofo inglês.

Autor

Na apresentação da obra

Sumário


Apresentação

Prefácio

CAPÍTULO 1

Os antecedentes da educação lockiana

1.1 A reforma religiosa e seus impactos educacionais

1.2 Ceticismo e educação em Montaigne

1.3 O realismo baconiano e sua repercussão na educação


CAPÍTULO 2

Ciência e religião na obra filosófica de John Locke

2.1 Ciência e religião nos escritos de 1658-1688

2.2 Ciência e religião nos escritos de 1689-1694

2.3 Ciência e religião nos escritos de 1695 até as obras póstumas


CAPÍTULO 3

Ciência e religião nos escritos educacionais de John Locke

3.1 Locke e a educação: escritos menores

3.2 Locke e a educação: escritos maiores

3.3 Ciência e religião nos escritos educacionais de Locke: leituras possíveis


CAPÍTULO 4

A formação moral da criança com vistas a uma sociedade cristã

4.1 A noção de formação: entre a paideia grega e a bildung alemã

4.2 Locke e a transição para o conceito moderno de infância

4.3 A formação moral da criança e a construção de uma sociedade cristã


Considerações finais


Referências

Indicaram a obra

Blog do autor

Associação Nacional de Pós-graduação em Filosofia

Rádio UFS

Universidade Federal de Sergipe

Programa de Pós-graduação em Filosofia (UFS)

Só Sergipe

Live de lançamento da obra



Autor da obra


4 visualizações0 comentário